quarta-feira, 11 de maio de 2016

Hoje cheirou-me a queijo

Esta tarde, olhava eu pela vidraça da sala de trabalho constatando que a chuva tinha dado tréguas e que até talvez fosse desta que o tempo abrisse e quem sabe até o sol desse um ar da sua graça, quando me veio á memória o cheiro do queijo que distribuiam pelos alunos quando eu andava na escola primária.
Tenho esta mania de guardar memórias com cheiros, vá-se lá saber porquê. E nem faço a menor ideia porque raio fui eu lembrar-me do cheiro áquele queijo num dia em que me apeteceu bater em pessoas porque estava a chover.
Mas falava eu do cheiro daquele queijo que vinha em latas para as escolas depois do 25 de Abril. Em chegando o intervalo, fazíamos fila e a professora abria as latas e cortava e distribuia pedaços de queijo com bolachas por todos nós. Alguns nunca lanchavam porque simplesmente não tinham nada para lanchar e assim, passaram a comer a meio da manhã. Não era o meu caso, a quem a minha mãe mandava pão e fruta e ai de mim que não comesse tudo, mas o queijo era para todos sem discriminações e todos tinham de o comer.. O queijo que vinha em latas! Foi mais ou menos nessa altura que me lembro de ter passado de "palito/palito fino" para somente "palito com pernas".
Lembro-me até do sacrifício que fazia por ter de o comer pois não gostava do queijo, muito menos do cheio. Mas hoje apeteceu-me tanto uma lasca....

41 comentários:

  1. Pois é amiga de vez em quando as memórias de infância tomam conta de nós.
    Um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É bom ter memórias Elvira, é sinal que ainda cá estamos para as recordar :) Abraço

      Eliminar
  2. Também tenho cheiros que me trazem à memória, sentires guardados há muito, que me fazem tantas vezes sorrir e até sentir saudade.

    Toma lá um queijo repenicado GM :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Non, talvez seja por isto que gosto tanto de queijos e é engraçado porque os meus filhos partilham deste meu gosto. Gasto fortunas em queijos :))

      Eliminar
  3. Há momentos assim, duma nostalgia que nem sabemos muito bem explicar (=

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sofia, ás vezes penso onde é que vamos buscar estes flashes da vida, coisas que parecem não ter importância e vamos a ver, vão ficando :)

      Eliminar
  4. De todos os sentidos, acho que o olfato é o que está mais ligado ao mundo dos afetos. Às vezes, é ele que dá corda à memoria :)

    Um beijinho, GM

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É isso Miss Smile e é incrível como estas pequenas coisas nos ficam para sempre. Eu que nunca queria comer, hoje lembro este cheiro do queijo com tanto gosto e vontade de voltar a prová-lo :) Beijinho

      Eliminar
  5. A mim também, mas depois tomei banho e lavei bem os pés (com vinagre de cidra) e agora cheira-me escabeche. eheheh

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. eheheh homem do leme, carapaus com molho de escabeche é bom, muito bom. Há tanto tempo que não como... :))

      Eliminar
  6. uma memória olfativa. essa, veio para ficar.
    bom dia, GM.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho tantas memórias olfativas Mia, por vezes dou por mim a pensar num cheiro que não consigo bem identificar e não descanso enquanto não descubro. Beijinho

      Eliminar
  7. Há cheiros que nos fazem regressar a memórias "infindáveis"... :)
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Algures no Oeste, cheiros, gostos, emoções, transportam-nos no tempo :)) Beijinho

      Eliminar
  8. Bom dia e um "queijo da serra", GM :-).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ui Carlos, queijo da serra! Tenho um tio que viveu em Guebwiller - Vosges - França que me mandava uns queijos que cheiravam a "chulé" e me empestavam a casa toda, mas eu adorava aquilo. Adoro queijos :))

      Eliminar
  9. ...faltou dizer: um queijo da "MINHA" (serra), que fica agarradinha à outra, famosa pelo queijo de lá - os de cá também são como os de lá, bons para quem gosta!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tem toda a razão Carlos, quando vou a Ferraria de S. João trago sempre um carregamento de queijos caseiros de cabra e há pouco tempo fui a Seia, vieram dos outros. Ai o meu "castrol" :)))

      Eliminar
  10. ahahaha as coisas de que temos saudades hein... eu era bolachas maria XD e olha que de vez em quando lá me dá vontade de as comer lol


    Hoje é o dia de quem está onde tantas vezes não está mais ninguém! Hoje é o nosso dia: Feliz Dia Internacional dos Enfermeiros

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. C. também havia o leite com chocolate e depois na escola preparatória, as sandes de atum. Eram maravilhosas :))
      Sim, o dia dos Enfermeiros, dia que prezo muito :)

      Eliminar
  11. Já não sou do tempo do queijo em lata, mas concordo que as memórias olfativas da infância deixam marcas profundas na nossa memória.
    E eu que gosto tanto de queijo, mesmo sem o conhecer, não me importava nada de comer uma lasca também :)
    bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Catarina, o unico queijo que tem um cheiro parecido atualmente é o queijo fundido, mas mesmo assim, aquele era inconfundível :) Bjs

      Eliminar
  12. Nostalgia... Do meu tempo adorava os pacotinhos de leite :)
    Não davam queijinho :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Miúda, depois houve os pacotinhos de leite sim, mas não sei porquê desses nem me lembrava. Sou fã de queijo :))

      Eliminar
  13. Como te compreendo, os cheiros transportam-me para os acontecimentos passados mais incríveis. :))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ava, estes flashes aparecem do nada e trazem-nos cada coisa á memória... é realmente incrível o poder da mente, passaram-se anos e anos sem pensar nisto e agora de repente senti-me teletransportada no tempo :))

      Eliminar
  14. não me lembro...mas também associo muito os cheiros a fases da minha vida!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Maria do Mundo, és mais nova do que eu, talvez na tua altura já fosse diferente. Isto de que falo penso ter sido após o 25 de Abril, em 74 eu andava na segunda classe :)

      Eliminar
  15. Respostas
    1. Tenho muitos flashes dessa altura Vizinha, a bata que eu usava, as brincadeiras do intervalo, a régua da Professora :))) Boms flashes sim.

      Eliminar
  16. Também tenho recordações em fleches de acordo com o cheiro que sinto. As vezes me remetem a infância, a adolescência ou simplesmente a família que formei com meu amado.

    Rosas, café, sucos, bolos, perfumes. Tudo me faz recordar de algo.

    https://renatacaline.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tal como eu Renata, a maioria das minhas recordações trazem cheiros consigo. Abraço :))

      Eliminar
  17. Xiiiiiii a infância, às vezes também penso na minha, na escola, nos colegas, nas bricadeiras, mas curioso, por aqui não davam queijo, era leite com sabor a morango :)mas é tão bom recordar esses tempos, quem me dera lá. A minha escola primária ainda existe e até foi agora remodelada, quando lá passo, dá cá um aperto :( saudades, são saudades.
    Beijinhos GM
    (amanhã vais-te lembrar da porrada que davas nos outros miúdos) mas não era por causa da chuva não :):)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. eheheh nina, lembro-me de quase todos os dias rasgar as meias nos joelhos no recreio e de chegar a casa e ouvir a minha mãe ralhar. Passo muitas vezes á minha escola, também foi remodelada, mas parece que ainda me vejo por ali a correr :)

      Eliminar
  18. Também sempre achei que os cheiros são grandes condutores de memórias :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é Nádia, memórias olfativas, será que todos as têm?

      Eliminar
  19. A vida é feita de cheiros e de memórias...

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É engraçado Isa não é? Memórias com cheiro :))

      Eliminar
  20. Dia 11 de Maio, desde este dia ( o dia em que te cheirou a queijo) que não te ponho as bistas em cima? Culpa do queijo que provoca esquecimento (dizem) ?
    Cadê TUuuuuuuu?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá amiga Non. Cansada.... Cá ando por aqui muito ocupada a tratar de filhos e de mãe, reuniões de trabalho, profissão de fé de familiares, jantares de família, pedaladas. cansada, sem inspiração. ..
      Já passa :) obrigada Non beijinho grande

      Eliminar
    2. Xiça é muito para uma mulher só :)

      Eliminar

Quem quer pensar comigo: