terça-feira, 28 de abril de 2015

Tudo a seu tempo

Quando dei por mim estávamos a falar de doenças, exames, ecografias e cirurgias.
É certo que o tempo não pára e as pessoas são seres em constante movimento e evolução. Naturalmente os interesses vão-se alterando à medida que nós vamos, não digo envelhecendo, digo antes avançando no tempo. Se outrora, quando nos encontrávamos, falávamos da escola e de namorados, depois de maridos e carreiras profissionais e depois de filhos e sogras, hoje falamos de divórcios, doenças e mortes, além de outras coisas, claro. Por mais que se queira contrariar esta tendência, as alterações são por demais evidentes, especialmente quando os filhos já são suficientemente crescidos para fumar e beber ao lado dos pais, já trazem as namoradas pela mão e já estão longe a estudar para preparar o seu futuro e a fazer-se à vida. 
Até aqui tem sido difícil admitir tudo isto, mas já não tenho como...
Sim, eu e as minhas amigas, já falamos de doenças...

20 comentários:

  1. Mas tu tens algo especial, falas de doenças montada em cima de uma BTT com um olhar diferente do mundo, e isso, parecendo que não, torna tudo mais interessante ;)

    Ah... afinal também vou ter uns sapatos como os teus, vou ficar com os dois pares, os outros que escolhi estão presos na alfândega e sei lá eu quando chegam. Vamos ser loiretes de sapatos e meias de estrelas iguais, já viste que coisa mais linda? Acho que temos de tirar uma foto juntas. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :))) só tens de por qualquer coisa amarela nos sapatos a fazer pandã com o resto. Temos de formar uma equipa mesmo :)) a mim ainda me falta a Ktm mas versão S e roda 27,5 que eu sou tamanho mini, não me aguento com um cavalo tão grande:)) beijinhos e boas pedaladas

      Eliminar
  2. O tempo passa as vidas e as conversas mudam =) Faz parte!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. é engraçado constatar, mas vão mudando sim :)

      Eliminar
  3. A idade avança o tema de conversa muda mas a nossa essência está lá :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso está e rimos e dizemos parvoíces como há muitos anos atrás :))

      Eliminar
  4. o tempo sempre acaba por nos apanhar, por isso não devemos contra ele lutar. talvez sim acreditar que o tempo de hoje não é mais do que o ontem do de ontem e o amanhã do de hoje...como tal vale o que vale! E cara Maria não sejas Gaja demais...quem pedala não tem doenças...pois vencer distâncias é o teu acreditar e esse acreditar deves usar e abusar em tudo...pois tudo tem o seu tempo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito poeta me saíste madagascar :)) mas tens razão, por ora estão adiadas as conversas sobre doenças, raios!! :D:D:D

      Eliminar
  5. Amiga: eu tento não falar nessas coisas pois não quero ter sempre na lembrança aquilo que em Junho vou ter que fazer. mas a nossa vida tem destas coisas. Eu já há muitos anos que tenho que fazer todos os anos exames à cabeça e ao coração.
    Beijos
    Santa Cruz

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É melhor prevenir do que remediar amigo Santa Cruz, se tem de ser é melhor fazer mesmo :))

      Eliminar
  6. Bolas, também tenho tido essa constatação...
    Um beijo!

    ResponderEliminar
  7. Realmente dou por mim a constatar o mesmo... Sem querer, o tema "doenças" vai entrando de mansinho e às tantas uma pessoa está a falar delas e a gastar dinheiro na farmácia (eu, por causa da hipertensão...).
    Nunca liguei a doenças e por isso é com estranheza que começo "a ter que" falar delas...
    :O
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. eu costumo dizer que isso são as conversas dos velhotes e agora dou por nós a falar nisso. Medo! :))

      Eliminar
  8. A idade traz muitas coisas boas e outras menos boas. Compete-nos a nós saber geri-las de forma equilibrada. A vida vai-nos ensinando a lida com muita coisa :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois... há que interiorizar que a idade vai passando :)

      Eliminar
  9. Eu ou tenho amigas muito estranhas, ou tenho uma vida muito estranha ... tirando as sogras e os filhos "corremos" todos os outros temas quase numa base diária!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nós também falamos de tudo, só que agora também falamos de certas coisitas da idade... :)) a vida é mesmo assim

      Eliminar
  10. De que doenças falam? (Para avaliar quão sério o caso é)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. eheheh nada de muito sério, é só a fase condor (com dor), dor nos joelhos, dor nas costas... essas coisas :)))

      Eliminar

Quem quer pensar comigo: