quinta-feira, 5 de novembro de 2015

o "Jaque"

Tenho de vos falar do Jaque

Je suis Jaque
Tu es Jaque
il est Jaque
Todos somos Jaque

O Jaque é quele ou aquela que nem sempre estando disponível, é-lhe muitas vezes solicitado que efetue tarefas. Tarefas essas, que uns não querem fazer e que o Jaque coitado, acaba por tomar conta do recado ainda que contrariado. O Jaques aparece e pumba, é sempre necessário para qualquer coisa. O Jaque por vezes até refila, resmunga entre dentes, manda-nos à fava mentalmente, mas acaba sempre por fazer o que lhe é solicitado pois sempre é apanhado desprevinido.
O Jaque é um querido e qualquer um pode ser Jaque.

Jaquestás aí, passa-me o pão
Jaque vais à rua, leva o lixo
Jaque vens mais tarde trás jantar
Jaque vais às compras traz-me bolachas que depois dou-te o dinheiro
Jaquestás na fotocopiadora traz-me as minhas cópias
Jaque vais á cozinha, traz-me água
Jaque.... isto
Jaque... aquilo

Qualquer semelhança de "Jaque" com um pau para toda a obra é pura coincidência.

14 comentários:

  1. É verdade, há sempre um Jaque, que é usado e abusado, de modo subtil ou hipócrita.
    E quem nunca foi Jaque - Que atire a primeira pedra

    É só gente cair num novo emprego, e as "velhinhas" logo a promover-nos a Jaque
    Até que entre outro candidato a Jaque, ou o mesmo se revele e as ponha no sítio

    eheheheheh


    Ó jaque... Jaque... óóóóó´Jaque, tás onde?

    ResponderEliminar
  2. fartei-me de rir... lembras-te de coisas com muito humor.

    e jáque cá estou, bom fim-de-semana!

    ResponderEliminar
  3. Esta está muito boa :) É curioso, mas cruzo-me muitas vezes com esse tal de Jaque - como é que ele consegue estar em tantos lugares ao mesmo tempo?

    ResponderEliminar
  4. Conheço tão bem esse Jaque. Digo-lhe olá ao espelho algumas vezes e em muitas outras vejo-o a passar perto de mim sempre com um ar muito apressado ... ai, o Jaque é um querido!

    ResponderEliminar
  5. Jaque postaste, deixa-me cá comentar. :)
    A verdade, Gaja, é que as relações humanas se baseiam muito nos Jaques que nos circundam. Mau para eles, mau para nós, que damos azo à nossa vertente mais comezinha. Mas a verdade (que me desculpem os Jaques deste mundo) é que eles põem-se quase sempre a jeito.

    Um bom final de semana, com muitas pedaladas :)

    ResponderEliminar
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  7. Gaja, e que tal esta adaptação?
    De jaque e de louco, todos temos um pouco. :)

    ResponderEliminar
  8. Gajita, adorei... A sério,mas quantas vezes Jaque tou aqui vou comentar.....
    Hihihi adorei
    Kis:=>)

    ResponderEliminar
  9. Lindo! Vou roubar e adaptar ao ambiente de trabalho :) E não, não tenho vergonha. M. Lopes

    ResponderEliminar

Quem quer pensar comigo: