domingo, 17 de maio de 2015

Capacidade de amar


"O amor é grande e cabe nesta janela sobre o mar.
O mar é grande e cabe na cama e no colchão de amar.
O amor é grande e cabe no breve espaço de beijar."

Carlos Drummond de Andrade





Não fosse a nossa tão grande capacidade de amar e a nossa vida não faria sentido. Amamos a vida, amamos pessoas, animais, lugares, coisas, amamos. Amar faz-nos seguir em frente, faz-nos querer, faz-nos lutar. Amar faz-nos viver. Estranha forma de amar têm alguns. Será antes desamor, será um amor doente, será ódio? Há quem não tenha capacidade de amar, nem sempre temos a capacidade de amar. Há momentos, há situações em que não conseguimos amar. O amor confunde-se, esfuma-se e apaga-se por vezes. Não deixem!
O amor que sinto, funde-se por vezes em paixões, paixões fortuitas, paixões duradoiras, paixões.
Pedalar é uma delas, pedalei tanto neste fim de semana XL, tive jantar, piquenique, noitada e ainda outras coisas, tantas que hoje estava exausta. Eu queria pedalar mais, queria ir à praia, queria fazer montes de coisas. Queria mas não conseguia, nem a minha paixão pela vida, pelas pessoas, pelos meus lugares e pelas minhas coisas me fez ganhar energia. Tive de parar e descansar. Não mexi uma palha, estive no jardim ao sol de papo para o ar, tomei banho de mangueira, li e fiz uma pausa no computador. Agora já estou melhor. Amanhã é um novo dia, estou de novo apaixonada. Até amanhã!

23 comentários:

  1. São as pernas, pá, essas invejosas que não podem ver um gajo ou uma gaja apaixonados por uma bicla que amuam, fazem beicinho e acabam por dizer que já não brincam mais :) Ou isso ou a PDI :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ou as duas coisas juntas, a idade não perdoa :))

      Eliminar
  2. Ás vezes é mesmo necessários darmos uma folga própria para descansarmos, mas gostei da tua pausa ,estar no jardim de papo para o ar ,ler tomar banho de mangueira ,mas que bela pausa :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Soube bem o descanso, estava a precisar, eu por vezes abuso :)

      Eliminar
  3. Fazer uma pausa é também amor, amor por ti própria, e isso parece muito bem mesmo!

    Beijinhos e uma bela semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há que ouvir os sinais do nosso corpo. Fez-me bem o descanso. Boa semana :)

      Eliminar
  4. Também é preciso descansar. A paixão volta sempre mais forte.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens razão, já hoje fui ao ginásio, não é a mesma coisa que na rua, mas dá para dar azo à paixão :)

      Eliminar
  5. Banhos de mangueira são os melhores!
    E momentos assim de relax sabem tão bem :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Com o calor que estava por estar abrigada do vento, soube mesmo bem :))

      Eliminar
  6. Respostas
    1. Amar faz-nos ver as coisas de outra forma, mais positiva, mais feliz :)

      Eliminar
  7. Banhos de mangueira? Não amo, eu adoro ... sou feliz com coisas muito simples! E amor também é isso, é saber apreciar pequenas coisas e pormenores :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A mangueira estava ao sol e a água até estava quente, soube mesmo bem :))

      Eliminar
  8. será então o momento de olhares o céu e dizeres...OBRIGADO!

    ResponderEliminar
  9. E é amar-te assim perdidamente é ter alma e sangue e vida em mim e dizê-lo cantando a toda a gente, lá diria Florbela e cantaria Represas...se te lesse
    Kis :=>)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Adoro essa letra e essa música, acho que foi feita para mim :))

      Eliminar
  10. Que maravilha, é assim mesmo, pedalar é mesmo uma paixão viciante e com a vida assim preenchida e cheia de amor, ainda melhor...
    :-)

    ResponderEliminar

Quem quer pensar comigo: