domingo, 21 de dezembro de 2014

Eu bem dizia que isto era perigoso

No início tinha medo que me pelava de fazer descidas de bike, imaginava-me sempre a cair e a partir-me toda e quer fossem pedras, areia, paus ou outra coisa qualquer, tudo me fazia uma enorme confusão. Felizmente nunca aconteceu e por isso fui ganhando confiança e agora quanto mais louca e difícil for a descida mais gozo me dá desafiá-la e lá vou eu, não sem ter alguma precaução claro. Mas se eu gosto de descer, maridão é um maluco e ontem deu em querer voar.
Às tantas vejo-o passar por mim a voar indo estatelar-se à minha frente após um fantástico mortal encarpado ficando imóvel mas todo compostinho, sem a roupa rota, de óculos postos e sem sangue à vista. Travei de repente quase fazendo eu também um salto mortal, tal era a inclinação da p@ta da descida, pensando que o gajo se tinha matado e fui socorre-lo juntamente com outro colega. No final de contas soube cair, só não soube escolher o local pois no meio de tanta erva foi-me cair em cima das pedras e além de um joelho e um pulso inchados, a roda empenada e dois raios partidos à conta do pau que lá se enfiou tudo acabou bem. Hoje fomos andar outra vez!
Se este gajo se mata nem sei o que lhe faço...

18 comentários:

  1. Pois, tenham cuidado com as quedas :)

    Bjnhs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. pois... quando se facilita é quando elas acontecem... :)

      Eliminar
  2. Grandes malucos!
    Eu sou das medricas (e acho que não vou passar a barreira) e morro de medo das quedas nas descidas...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fazes bem, assim é mais difícil acontecerem acidentes :)

      Eliminar
  3. que maluqueira! Gostava de ter visto :)

    Portuguese Girl with American Dreams
    fromportugaltonyc.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Depois de ver que tudo estava bem, até eu me ri de me lembrar dele a voar :)

      Eliminar
  4. Adorava ver e digo mais se ele se magoasse ainda levava uma nosfocinhos
    Kis:=)

    ResponderEliminar
  5. Por momentos até receei pela vida do teu gajo,caramba*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Até eu me assustei quando o vi no chão imóvel... felizmente começou logo a levantar-se :)

      Eliminar
  6. É por estas e por outras que adoro (!) subidas. Excesso de adrenalina. Maridão ficou bem, final feliz!
    Bjinhos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acredita, já caí algumas vezes e foi sempre a subir, falta de força nas pernas talvez ou mesmo falta de jeito :))

      Eliminar
  7. Os reveses de tanta adrenalina, não é Gaja?! Ainda bem que tudo não passou de um susto, que situação!

    beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois acontece a quem anda de bike, é difícil haver um bttista que nunca caiu. Esperemos que nunca seja grave :)

      Eliminar
  8. Bah, aposto que te doeu mais a ti do que a ele :)

    Eu ando a testar a máquina nova (nova nas minhas mãos) e desconfio que só vou acalmar quando sair pelo "pára-brisas" :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Podes crer que me assustei, mas já está fixe. Máquina nova com pára-brisas? É um carro?

      Eliminar

Quem quer pensar comigo: