quarta-feira, 25 de junho de 2014

Dasse!!

Pela minha janela vejo uma enorme paleta de tons cinzentos e as nuvens atropelam-se apressadas levadas pelo vento vibrante e ameaçador para parte incerta. Os pássaros voam de um lado para o outro, inquietos lançando sons estridentes e aflitos, as árvores dançam freneticamente, as suas folhagens esvoaçam e afastam-se indo cair longe. Chuvisca. Os corredores estão frios e escuros, as portas fechadas por causa das correntes de ar, as pessoas andam encolhidas e com o semblante triste.
Toco-me e estou gelada, os meus braços estão nus e a minha pele está enrugada, eriçada, arrepiada. Sabia-me bem um toque macio e quente que me abraçasse suavemente e me envolvesse docemente, talvez um casaco... E umas meias, já agora . Dassse!!! FO tracinho DA tracinho SE !!! Então mas não e verão???

11 comentários:

  1. Querias...eu também...restam-me as galochas e o barco a remos ...uma éme é érre dê á!!!!!

    ResponderEliminar
  2. Por cá a coisa está do género. Em prevenção trouxe casaco (que já vesti), guarda chuva (ainda não foi necessário) e já me apeteceu ligar o termo ventilador no máximo da quentura!
    Esperemos que melhore entretanto e se desvaneça tanto cinza que te têm afetado. Isto já começa a ser cinza a mais :)!
    Jinhos

    ResponderEliminar
  3. Gaja,
    Temos que nos habituar, as coisas nunca mais serão o que eram.
    (Os nossos políticos diriam: temos que aproveitar esta nova janela de oportunidades)

    Beijo :)

    ResponderEliminar
  4. O verão fugiu! Até ele sai do nosso país... tristeza!

    ResponderEliminar
  5. mas que verão?! Isto não é nada:(

    http://fromportugaltonyc.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  6. Isso não será das lentes ? :)
    Gaja, que Verão gaja Maria? Já perguntei em casa quando iamos abrir os presentes de Natal...

    ResponderEliminar
  7. é preciso algo que nos vá entretendo a mente...está tudo estudado...isto há de ser de propósito!

    ResponderEliminar
  8. acho que o universo leu este teu post e resolveu redimir-se, hoje por aqui espera-se um dia de verão, está um imenso céu azul...

    ResponderEliminar
  9. Subscrevo, fo tracinho da tracinho se.

    ResponderEliminar

Quem quer pensar comigo: