domingo, 14 de fevereiro de 2016

Sempre vale a pena quando a arte de amassar não é pequena

Foi quando deitei os primeiros grãos de terra em meu pilão para de seguida lhe juntar algumas sementes, talvez salsa ou coentros ou mesmo outras ervas com mais substrato como me sugeriu a Nina, para que germinassem e florescessem já que a minha arte de amassar não fazia jus a tão nobre utensílio de cozinha e dado-lhe assim alguma utilidade, que ele, o meu pilão, olhou para mim com aqueles seus olhos tristonhos e a meia haste como que implorando que o não fizesse, que lhe desse uma segunda oportunidade, que juntos ainda seriamos muito felizes amassando em conjunto alhos, sal, pimenta e outras ervas, massa de pimentão, azeite, banha de porco e por aí.... 
De lágrima no olho de tão comovida com tal pedido mudo, feito apenas com o olhar, hesitei, parei de deitar a terra e decidi-me por fim pela tal segunda oportunidade. Agarrei-me ao pilão e toca de lhe colocar vários ingredientes, amassando sem cessar, fazendo uma pasta com que iria barrar a carne. Pilão estava feliz da vida, sempre a dizer que desta vez é que era, que iria correr tudo bem, que o cozinhado iria ficar tão, mas tão bom, digno de uma estrela Michelin até e que ninguém iria reclamar. Entusiasmada assim fiz, barrei a carne, juntei vinho branco e esperei pelo dia seguinte. Tabuleiro ao forno durante duas horas et voilá, estava delicioso. 

Estou orgulhosa de mim e do meu pilão :)

20 comentários:

  1. Respostas
    1. eheheh o meu novo amigo (o almofariz) :))

      Eliminar
    2. Voltarei para ver os vosso próximos trabalhos juntos lol

      Eliminar
  2. Bom aspecto tem :)

    E amassas aonde? almofariz? de porcelana? :))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim no almofariz, mas de madeira, foi o que consegui encontrar :))

      Eliminar
  3. Eu não te disse, que mesmo não sendo, o pilão uma pila grande, é muito trabalhador e eficaz?

    :))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem dúvida Noname, mas há que colocar os ingredientes certos. Nada como ir á net ver as receitas :))

      Eliminar
  4. é caso para dizer viva a Gaja e o Pilão....:)

    bom aspecto :)

    ResponderEliminar
  5. Ai não seguiste o meu conselho?? fizeste bem mal!! daqui a nada tavas riquíssima, fugias para uma ilha e já não apanhavas chuva, tinhas criados, as bykes que quisesses tudoooooooooo... mas pronto antes queres ser cozinheira :))
    tem bom aspeto sim sra :))
    Beijo GM bom inicio de semanita eheheh

    ResponderEliminar
  6. Pois Gajita de pilão tb gosto.
    Kis:=)

    ResponderEliminar
  7. Quando abrir o restaurante, avise...Pelo aspeto...fico "cliente" 😏

    ResponderEliminar
  8. Que bom aspeto!


    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  9. Não me contive e já molhei o pão no molho. Está delicioso!
    Moral da história: tudo vale a pena quando o pilão não é pequeno :)

    Beijinho, GM

    ResponderEliminar
  10. já tudo foi dito com tanta arte engenho que eu só digo: "olá e adeus".
    boa semana.
    beijinho,
    mia

    ResponderEliminar
  11. Não conhecia o Pilão, tem bom aspeto...
    :-)

    ResponderEliminar
  12. Texto e imagem para dar fome, muito bom, parabéns.

    Arthur Claro
    http://www.arthur-claro.blogspot.com

    ResponderEliminar

Quem quer pensar comigo: