domingo, 22 de abril de 2018

Manhã de domingo

E hoje, após seis dias de treino, resolvi que descansaria as pernas e o traseiro até quarta-feira, dia da partida para a grande aventura. Enquanto desossava o pato, sim, eu hoje estive prendada, desossei um pato inteiro, fiz arroz de pato não muito escondido, pão de ló e morangos com açúcar sem partir nem avariar nada. Posto esta constatação, lembrei-me de que ainda não vira a glicínia de Papai em flor e já era tempo dela. Dele. Limpei de imediato as mãos e corri para o quintal. A caminho, Toni, o gato estrábico de Mamãe enrodilhou-se nas minhas pernas quase me fazendo cair, aquele gato adora-me e dorme à minha porta todas as noites à espera das minhas festinhas logo pela manhã, depois vai à sua vidinha. E foi, mas atràs de mim, claro. Pois que a glicínia já está  em flor e a começar a abrir. O seu perfume está como todos os anos, inebriante e muito intenso. Esta glicínia é mágica, faz-me lembrar pessoas. uma pessoa em especial.... E faz-me tanta falta.

sexta-feira, 20 de abril de 2018

Diz que

Água com limão é do melhor para saciar a sede, fazer uma detox ao organismo e eliminar gorduras. Ora, estas cenas interessam-me . Vocês não sabem mas eu já fui vegetariana e crudivurista durante uma semana. Pois... Resolvi fazer uma detox e  andei a comer saladas com pimenta caiena e fruta durante oito longos dias.. . Houve alguns até que almocei e jantei melão... Sim, eu sei, é a tal cena dos alqueiros mal medidos. Mas bom, posto isto, o que é uma aguazita com limão ao longo do dia? Não seria nada se após a vasilha cheia, aí pelas dez da manhã eu não tivesse de andar a correr para o wc de meia em meia hora.
Ai... Esperem um pouco.
Voltei, mas vou ali comprar fraldas.

terça-feira, 17 de abril de 2018

Ou vai ou racha

Isso ou falta de alqueiros bem medidos.
Como vou passar sete dias seguidos a pedalar, se não choverem cães e gatos, claro, decidi que esta semana haveria de treinar. Pois que ontem saí do trabalho a correr para pegar na bike e ir dar ao pedal. Ora, como num treino tem de se treinar, fui à net ver  de que lado soprava o vento e a que velocidade. Ok, fiz o meu treino mentalmente. Vou para a estrada com a bike de btt que é muito mais pesada e... contra o vento pois claro, que isso é que é de gaja rija e forte e determinada. Um bom treino é sair da zona de conforto, isso é que é.
Ah pois é, é. Tanto é que quase me deram três sincopes, uma por cada subida que fiz. E depois, evidentemente, só eu é que estava certa, mas cruzei-me com dezenas de ciclistas, todos a favor do vento e nas suas super leves bikes de estrada, lindos, leves e frescos que quando se cruzavam comigo, parecia que eu estava parada. Acho até que vislumbrei sorrisinhos irónicos, os parvos, ao verem a minha cara de tomate maduro prestes a explodir.
Com que idade se ganha juízo, ein?

Ah! Hoje lixei-os, fiz como eles.

Um dia ainda mato estes gatos

Este é "O meu espelho". Encomendado propositadamente para mim, com dois metros de altura para eu caber lá muito bem, pois sim que sou enorme eu :) e os outros tresentos e vinte e quatro espelhos da casa eram demasiado pequenos. Foi colocado estrategicamente ao fundo do corredor, perto da luz. Este é o espelho onde eu me vejo linda de morrer de manhã, à noite e a toda a hora, vá, que uma gaja tem de se ver. 

Os meus gatos acham que é um arranhador....

segunda-feira, 16 de abril de 2018

Quase pronta

Faltam 9 dias para mais umas férias ao pedal e tenho quase tudo pronto. Desta vez não levo alforges, arranjei um maquinão.
Vejam! Vejam a versatilidade do bicho. Inveja ein?

terça-feira, 10 de abril de 2018

Este cinzento...

Que não me sai da alma nem do corpo, à semelhança do céu lá fora. As minhas nuvens são grandes e escuras e estão tão baixas  que quase as alcanço com as mãos. Quem me dera poder agarrá-las, empurrá-las, afastá-las de vez para deixar entrar o sol e o calor nesta minh'alma cansada e desgastada. Tantas vezes estas nuvens já vieram para depois se afastarem e deixarem passar a justiça e a verdade, a destrinça no pensamento daqueles que apenas se vêem a si próprios. Sei. Sei que mais tarde ou mais cedo isso acontecerá, acredito ou quero acreditar que todos os olhos verão a realidade e não apenas o que querem ver. Enquanto isso o tempo vai passando. 
Aqui fico. À espera.

Há já algum tempo

Que não ia ao Spa...
E posso dizer que após várias horas num banho de lama e outras tantas a tirá-la da bike, dos sapatos, da roupa, do cabelo (my God, o meu cabelo), fiquei como nova.